MATÉRIAS PUBLICADAS

Primeiro Carro Brasileiro

Primeiro Carro Brasileiro
Engana-se quem acha que foi Amaral Gurgel, o criador do primeiro carro 100% nacional. Antes dele, foi um visionário chamado Nelson Fernandes.
Fundador da IBAP((Indústria Brasileira de Automóveis Presidente), o empresário Nelson Fernandez tentou criar o primeiro automóvel 100% nacional, mas encontrou um mar de dificuldades que fez o sonho naufragar.
A IBAP foi fundada em 1963. Nos anos 1950 ajudou a construir o clube de campo Acre e o Hospital Presidente, ambos em São Paulo capital. Então, tinha de sobra o tino de empreendedor.
Prometendo fabricar 350 veículos por dia (mesma quantidade que fazia a Volkswagen naquela época), o empresário conseguiu atrair 90 mil investidores e chegou a construir cinco protótipos do Democrata, um Cupê de luxo com linhas elegantes.
O carro teria carroceria de fibra de vidro, suspensão independente nas quatro rodas e motor traseiro de seis cilindros fabricado na Itália - era o único item importado do projeto.
Fernandes, porém, sofreu com uma série de problemas. Um navio que trazia motores da Itália foi interceptado sob a alegação de contrabando. Diante disso, o empresário fez uma proposta para comprar a Fábrica Nacional de Motores (FNM), mas sua oferta foi recusada pelo Ministério da Indústria e Comércio sem justificativa.
O entrave final veio quando o Banco Central divulgou um laudo no qual acusava a empresa de não ter a quantidade necessária de funcionários gabaritados para produzir carros em série e nem contratos com fornecedores que garantiriam a produção. Em 1968, a IBAP fechou as portas sem a oportunidade de ter fabricado seu primeiro carro.
Nos anos 1980, o espólio da Ibap foi vendido aos irmãos José Carlos e José Luiz Finardi, que até hoje possuem unidades inteiras preservadas e carrocerias soltas do Democrata.
Quanto a Nelson Fernandes, este passou a investir em cemitérios verticais. Faleceu de maneira discreta em 2020, aos 79 anos e, junto de si, enterrou parte do sonho de vermos operando de maneira pujante uma verdadeira marca brasileira de automóveis.
A fábrica ficava na zona norte da nossa cidade, tinha um projeto de uma grande fábrica em São Bernardo do Campo. Na foto, um carro Democrata, anos 1960.
Fonte: Revista 4 Rodas.
A imagem pode conter: carro e atividades ao ar livre
 
 
 
 



< Voltar

Copyright 2021 - Rádio Voz da Alvorada